Dados da Secretaria Municipal de Saúde (SMSA) apontam que a cobertura vacinal contra a dengue em Boa Vista – Roraima é baixa. As primeiras doses da vacina para enfrentamento à dengue em Roraima chegaram ao estado em fevereiro deste ano.

Banner Obras Acre 300x225

De acordo com levantamento da pasta, o município aplicou 3.642 doses da vacina da dengue na faixa etária de 10 a 14 anos, que é a preconizada pelo Ministério da Saúde (MS).

Ainda conforme a SMSA, o número é considerado baixo por se tratar de um imunobiológico novo, mas “trabalha de forma estratégica para melhor adesão e aumento da cobertura no município”

Todas as UBS de Boa Vista estão aptas para a vacinação da população.

Mais de 20 mil doses contra a dengue em Roraima

A Secretaria de Saúde de Roraima (Sesau) recebeu, em fevereiro de 2024, do Ministério da Saúde um lote com mais de 20 mil doses de vacinas contra a doença. 

Nesse primeiro momento, o público atendido pela campanha em Roraima foram crianças de 10 e 11 anos, expandindo-se gradativamente às demais faixas etárias.

Assim, as doses de vacinas contemplaram 10 municípios de Roraima: Alto Alegre, Amajari, Boa Vista, Bonfim, Cantá, Iracema, Mucajaí, Normandia, Pacaraima e Uiramutã.

Embora distribua doses da vacina contra a arbovirose aos municípios de Roraima, o Poder Executivo Estadual não informou dados sobre a cobertura vacinal das cidades do interior.

De acordo com o Governo de Roraima, “é de responsabilidade das prefeituras a execução da estratégia de imunização com a devida aplicação das doses no público-alvo”.

doses de vacina contra a dengue
Doses de vacinas contra a Dengue- Foto: Sesau/RR

Tendência de queda nos casos

Dados divulgados pelo Ministério da Saúde (MS) apontam tendência de queda nos casos de dengue em Roraima.

Dessa forma, além de Roraima, outros 23 estados e o Distrito Federal têm cenário positivo no enfrentamento à dengue.

Painel de Monitoramento da Sesau

Nesta quinta-feira, 16, o Painel de Monitoramento de Arboviroses da Coordenadoria Geral de Vigilância em Saúde (CGVS) apontou 1.743 notificações de dengue em Roraima. 

Deste total de notificações, 1.438 registros foram descartados. Ainda conforme o Painel, a Secretaria Estadual de Saúde (Sesau) confirmou 111 casos este ano.

De acordo com o levantamento da pasta, também existem 293 notificações de Chikungunya e 41 de Zika em todo o estado.

O MS orienta que a principal maneira de combater a dengue é eliminando os criadouros do mosquito transmissor, o Aedes aegypti.