Uma ex-detenta foi encontrada morta em estado de decomposição na tarde de quarta-feira (15), em um matagal na Zona Leste de Manaus. O corpo foi localizado às margens de um igarapé.

Banner Obras Acre 300x225

A vítima, identificada como Bárbara Stefans de Oliveira, 32 anos, tinha as mãos e pés amarrados e apresentava perfurações de arma de fogo nas costas.

Bárbara tinha um histórico criminal que incluía uma passagem por roubo de uma motocicleta de um sargento da Polícia Militar em 2019.

Além disso, foi detida duas vezes por quebrar a porta da Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS).

Em uma das ocasiões, ela gritava que “roubou e a profecia não se cumpriu”, crime cometido na presença de jornalistas que saíam de uma coletiva.