Em mais uma apreensão de ouro em Roraima, a Polícia Federal prendeu em flagrante, nessa última segunda-feira, 13, duas pessoas com pelos crimes de usurpação de bens da União e porte ilegal de arma de fogo, no Aeroporto de Boa Vista/RR.

Banner Obras Acre 300x225

A ação teve início a partir de denúncia indicando que em um voo havia um passageiro transportando ouro de maneira ilegal.

Após fiscalização, foram encontrados 7,850 kg de ouro de maneira ilegal, com uma mulher.

Apreensão de ouro em Roraima - Foto
Apreensão de ouro em Roraima – Foto: PF

Em seguida, os policiais federais conseguiram localizar o receptador do material, o qual estava aguardando a chegada da mulher nas imediações do Aeroporto. Abordado, encontrou-se em posse do suspeito uma arma de fogo.

A mulher responsável pelo transporte do ouro relatou que a sua função seria transportar o ouro até Boa Vista, e que a mercadoria seria entregue ao indivíduo abordado pelos agentes nas imediações do aeroporto.

O homem que receberia a mercadoria, inclusive, já foi alvo de uma operação deflagrada pela Polícia Federal no ano de 2023, que teve como objetivo desarticular a atuação de pilotos de aeronaves que serviam de apoio logístico ao garimpo ilegal operacionalizado na Terra Indígena Yanomami.

Desse modo, os indivíduos foram encaminhados à Penitenciária Agrícola do Monte Cristo/RR, onde permanecerão à disposição da justiça.

Esta ação é, assim, mais uma de combate ao garimpo ilegal nas terras indígenas Yanomami, além de atender as diretrizes contidas na ADPF(709).

PRF apreende ouro em Roraima e outros produtos em Roraima

Em 29 de abril, a PRF apreendeu uma arma de fogo, 29 gr de ouro irregular e outros produtos contrabandeados em Roraima. As ações aconteceram nas BRs 401 e 174.

Segundo a PRF, durante policiamento na BR 401, município do Cantá, os policiais deram ordem de parada a um veículo que seguia sentido Bonfim – Boa Vista.

Após fiscalizarem o veículo, foram encontrados 81 frascos de perfumes comprados na Guiana e 29 gr de ouro in natura, frutos de contrabando em Roraima.